,

Cinco tendências do mercado de tecnologia para 2022

A tecnologia é um dos segmentos que mais vem ganhando espaço no mercado, e foi impulsionada nos últimos meses devido à pandemia. Segundo estudo da consultoria McKinsey, o Brasil terá um gargalo de 1 milhão de profissionais de tecnologia até 2030. Com tantas vagas disponíveis no mercado, a área vem se destacando como uma alternativa de carreira promissora com altos salários.

 

Devido à constante evolução deste segmento, vale sempre se manter antenado nas principais novidades do mercado. Por isso, a Kenzie Academy lançou um e-book gratuito com um material sobre Tendências do Mercado de Tecnologia em 2022 , destacando as principais áreas do setor, as linguagens de programação e as médias salariais para os profissionais deste segmento.

Confira abaixo a lista das 5 grandes tendências de tecnologia, que estão diretamente relacionadas ao desenvolvimento web e a trabalhos mais amplos do profissional de TI.

1. Soluções Remotas: O trabalho remoto já era uma tendência, mas foi acelerado devido à pandemia. Algumas empresas já tinham investido em infraestrutura necessária para que seus funcionários pudessem exercer as suas atividades a distância. Mas, muitas companhias tiveram que “correr” para conseguir operar com o time trabalhando de locais diferentes. Para grande parte do mercado, o período de adaptação ainda não terminou, pois continuamos a aprender a nos organizarmos e gerir o tempo por meio de ferramentas para que o trabalho em casa seja o mais produtivo possível. Neste ponto, a tecnologia tem um papel fundamental para oferecer recursos auxiliares para suprir as principais dores da ausência física. Entre as principais soluções de tecnologia devem estar os softwares de segurança de dados, de videoconferência, chats, gerenciamento de produtividade, ponto digital e outras, que estão em plena ascensão.

2. Inteligência Artificial – O uso da IA já era considerado uma grande tendência antes mesmo da pandemia e vem ganhando cada vez mais força em setores como marketing, engenharia, educação e desenvolvimento de software. Do contrário do que muitos pensam, essa tecnologia não irá substituir o ser humano, mas somar esforços para automatizar os processos, tornando-os mais produtivos e proveitosos. Para os profissionais de tecnologia, ter uma especialização em quais uma das ramificações da Inteligência Artificial, como machine learning, deep learning e processamento de linguagem, agregará um peso imensurável em qualquer currículo.

3. Experiência do Usuário – A pandemia também transformou o comportamento dos consumidores. De acordo com dados da consultoria americana McKinsey & Company, a instabilidade econômica tornou o consumidor brasileiro mais cauteloso neste último ano. Ainda assim, o crescimento do e-commerce nacional alcançou a marca de 40%. Vale destacar que os recursos digitais relacionados a trabalho, estilo de vida e educação à distância também contribuíram para moldar o novo consumidor, que além de produtos, também procura por uma verdadeira experiência de compra.

Por isso, as empresas investem cada vez mais em experiência do usuário, ou UX, com o objetivo de oferecer todos os tipos de serviços que se conectam com pessoas através da internet.

4. Chatbot – A utilização de chatbots é comum e já é amplamente difundida na indústria, no entanto há muitas funcionalidades que podem ser aperfeiçoadas pela tecnologia. Em muitos casos, os chatbots ainda se mostram pouco eficientes, robóticos demais, não-escaláveis e com pouca integração com outros canais de comunicação, como WhatsApp e Telegram. Para 2022, o grande desafio não é implementar a ferramenta, mas melhorar e amadurecer as funcionalidades permitindo mais assertividade, flexibilidade, segurança e agilidade aos atendimentos.

5. Cloud – Os Servidores em Cloud – ou em nuvem – são um dos mais importantes pilares do trabalho remoto, pois são eles que garantem que os dados e infraestrutura sejam armazenados de forma online, permitindo que os colaboradores das empresas consigam acessar os arquivos de qualquer lugar do mundo. Embora seja muito utilizado no universo corporativo, também requer melhorias e ajustes. Entre as principais tendências para o próximo ano está o aprimoramento constante desse tipo de tecnologia, proporcionando novas oportunidades para profissionais especializados em cloud computing.

Matéria: abeinfobrasil.com.br

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *