eSocial, saiba tudo sobre as mudanças no RH das empresas

eSocial e as mudanças no RH das empresas

eSocial: A importância de ações estratégicas para que todos tenham o compromisso de manterem seus dados atualizados.

A aproximação do prazo para implantação do eSocial vem mexendo com as cabeças dos administradores, profissionais de contabilidade e de departamento pessoal para aprimoramento de conhecimentos técnicos e atenção em informações de cadastros, tabelas e parâmetros que atendam a exigência do Fisco.Essa movimentação natural de entender a nova obrigação, busca de conhecimento e implantação de novos procedimentos, me fez escrever este artigo para evidenciar o quanto ainda pensamos em “apagar incêndios”, deixando de agir estrategicamente sobre as origens das principais demandas da obrigação eSocial.

Conhecimento sobre o eSocial

Muito se discute que o profissional que atua com Departamento Pessoal deve buscar o domínio sobre o tema e explorar recursos tecnológicos disponíveis no mercado para tratamento das informações que geram os eventos não periódicos do eSocial. Até certo ponto, o caminho de fato é este! Mas há uma outra área e atividade que possui muita importância e que vai direto no foco do problema: A cultura das organizações. Leia o artigo: Empresas ainda não estão preparadas

Vivemos em um país em que profissionais que possuem cursos superiores ou técnicos e são especialistas em suas funções, não conseguem conferir o quanto a empresa recolhe de INSS e/ou deposita de FGTS em seu recibo de pagamento mensal. E mais, esses mesmos não possuem o compromisso de manterem seus dados cadastrais atualizados junto a empresa.
Despertar esse interesse por parte dos profissionais é somente através de mudança de cultura.

Imaginemos como a empresa pode apurar cotas de Menor Aprendiz ou Pessoa com deficiência, se a base para contagem dos percentuais envolve grau de instrução e nível de escolaridade dos colaboradores?

esocial

Mudança cultural corporativa

Portanto, promover uma educação cultural corporativa é tão importante quanto conhecer todos os indicadores de cadastros e tabelas do eSocial. Visto que uma empresa com profissionais envolvidos e comprometidos em manterem seus dados atualizados, farão com que a informação chegue até o RH de modo fidedigno.

E concluindo, o profissional responsável pelo eSocial, deve desenvolver características de gestor e mediar reuniões educativas para promover uma mudança cultural de seus empregados e organização, fazendo com que todos conheçam a importância de manter contato direto com o RH e assim facilitar a sua rotina de trabalho no dia a dia.

É hora de levantar da cadeira e começar a falar de eSocial para TODOS.

fonte: administradores.com.br

esocial

0 respostas

Deixe uma Resposta

Quer deixar um comentário?
Sinta-se a vontade para comentar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *